• banner_annablume_novo_endereco_2
  • banner_promoo_vendas_sob_demanda_2
  • banner_marcos_braga_iii_2
  • banner_ton_angotti_3
Home Todas as Coleções Cidadania e Meio Ambiente
Territórios em disputa

 

territorios_em_disputa

Territórios em disputa: do impasse ao jogo compartilhado entre técnicos e residentes
Eliane Simões
16x23cm, 448 páginas
ISBN: 978-85-391-640-0


A autora enfrenta e explicita, neste livro, os conflitos e os processos decisórios decorrentes da gestão da presença de comunidades tradicionais caiçaras e quilombolas, no Núcleo Picinguaba do Parque Estadual da Serra do Mar e no Parque Nacional da Serra da Bocaina (entre 2001 e 2009), em Ubatuba/SP. Trata de situações de sobreposição entre Territórios Tradicionais (das comunidades) e Unidades de Conservação de Proteção Integral, muito recorrente nas áreas protegidas nacionais. Analisa Situações de Ação (marcos históricos) consideradas mais significativas, do ponto de vista do jogo de interações proveniente, sobretudo, do posicionamento dos atores governamentais e dos residentes, usando o conceito de Arena como metáfora para a negociação construída.

 

Compre aqui

 

Este livro representa a sínte­se de uma trajetória repleta de desafios e lições, que nos presenteiam com a possibili­dade de interagir através das ferramentas de gestão em pro­fundidade de tempo e ação. As contribuições ensejadas nesse ensaio nos permitem aprender mais sobre a Mata Atlântica e toda a sociobiodiversidade re­sultante dessa floresta viva e pujante, que nos transforma a cada passo dado em sua dire­ção.

 

Como Gestor do Parque Esta­dual Serra do Mar, considero essa obra um instrumento de trabalho e um registro da me­mória imaterial de um proces­so rico e marcante na trajetória do Núcleo Picinguaba. Quase um manual de percepção do imaginário das motivações po­líticas e territoriais, onde a au­tora traduz as relações huma­nas através de uma abordagem técnica e científica, sobretudo, lúcida e memorável.

 

Trata-se de um trabalho que nasce da dor, mas feito por amor a uma luta pelo consenso e pela transformação, que re­mete ao leitor a complexidade de lidar com ambientes natu­rais tão frágeis e um contexto social tão valioso, mas somen­te sensível ao olhar de quem sabe a verdadeira razão de re­sistir ao tempo e às tensões.

 

Danilo Santos da Silva

 
^ Top ^